Webcomic

Balcão de exposição de Cyanide & Happiness em um evento.

Webcomics, quadrinhos on-line, web quadrinho ou ainda web comics, são histórias em quadrinhos cuja publicação é veiculada exclusivamente pela Internet, apesar de existirem muitos quadrinhos consagrados à moda tradicional que são disponibilizados de forma digital. Podendo facilmente atingir uma audiência, os quadrinhos on-line se tornaram o principal meio dos novos cartunistas apresentarem o seu trabalho.

Essa forma independente de publicação, similar aos fanzines, tem tido grande popularidade, havendo centenas de webcomics disponíveis atualmente.[1] A maioria consiste em trabalhos amadores de qualidade inconsistente e de publicação esporádica, mas até mesmo entre essas encontram-se algumas com sucesso da parte do público, da crítica, ou mesmo na área comercial.


No Brasil, o Troféu HQ Mix divide as webcomics entre web quadrinho e web tira,[2] já o Prêmio Angelo Agostini, não faz essa distinção, premiando qualquer formato online como web quadrinho.[3]

No mercado sul-coreano, foi criado um formato distinto de webcomic chamado de webtoon. (hangul: 웹툰)[4]

Formas e meios

Tachyon, the Digital Man

A internet tem, ao menos potencialmente, várias vantagens sobre as formas convencionais de publicação. Muitas das barreiras tradicionais foram removidas, facilitando em grandes proporções a publicação da HQ.

Por serem em sua esmagadora maioria obras independentes, os webcomics partilham dos fanzines a controversa possibilidade de superar limitações formais, como os problemas relacionadas a sindicalização dos quadrinhos. Deste modo, direitos autorais são eventualmente desrespeitados, e referências culturais ou a personalidades são facilitadas, além de não ter praticamente nenhum problema com censura, podendo ter conteúdo excessivamente erótico, violento ou de linguagem adulta.

Outra parte do legado dos fanzines que os webcomics seguem é o alto teor autoral que a história de um artista pode carregar, exibindo detalhes da vida particular do artista ou mesmo se baseando em seus gostos pessoais. Existe, por exemplo, um gigantesco número de webcomics com temática relacionada a vídeo games.

No lado artístico, também existem vantagens. Muitas limitações do papel são superadas no formato digital. Alguns artistas, inclusive, tiram vantagem das peculiaridades da Internet. Scott McCloud, um dos pioneiros das webcomics, deu início à ideia dos quadros infinitos ou tela infiita,[5] onde o artista é livre para direcionar a ordem de distribuição dos quadrinhos como bem entender.[6]

Também existem muitos artistas que incorporam animação em seus trabalhos.[7] Há ainda os que colocam hiperlinks nos textos. Tais adventos únicos permitem o quadrinista construir os mais diversos tipos de construção de personagens, bem como enredos mais complexos.

De modo bem parecido com as tiras de jornal, os webcomics com maior legião de fãs são aqueles de atualização constante, de preferência diária, já que o consumo constante mantêm mais seguramente um público cativo.

Existem também webcomics que são apresentados como quadrinhos convencionais, ou mesmo graphic novels, tendo grandes páginas no lugar das simples tiras de, geralmente, três ou quatro quadros.[1][7]

Um dos aspectos mais controversos das webcomics é a banalização da necessidade de se haver um talento para desenhar para poder criar uma história. Sprite comics usam sprites de jogos de Video game, geralmente das eras 8-bits ou 16-bits, como personagens, podendo ser ou não editados. Também existem webcomics que usam clipart e fotografia.

Também existem quadrinhos que usam Pixel art, mas, diferente das Sprite Comics, essas usam arte original. Existem também webcomics que usam arte 3D.

En otros idiomas
العربية: ويب كومكس
azərbaycanca: Veb-komiks
български: Уебкомикс
català: Webcòmic
čeština: Webový komiks
Deutsch: Webcomic
English: Webcomic
Esperanto: Retkomikso
español: Webcómic
فارسی: وب‌کامیک
galego: Webcómic
עברית: ובקומיקס
Bahasa Indonesia: Komik web
italiano: Fumetto online
한국어: 웹 코믹
македонски: Семрежен стрип
Nederlands: Webstrip
norsk nynorsk: Gratis netteikneseriar
русский: Веб-комикс
Simple English: Webcomic
svenska: Webbserie
Tagalog: Web komiks
українська: Веб-комікс
oʻzbekcha/ўзбекча: Veb-komiks
中文: 網絡漫畫